30 de junho de 2022
Foto:
31/10/2018 11:23
Andrey dos Reis diz que confia na administração de Reinaldo Azambuja
Sessão Ordinária

Andrey dos Reis diz que confia na administração de Reinaldo Azambuja

Ao iniciar sua fala, o vereador Andrey dos Reis disse que “perdemos em Aparecida do Taboado, pois faço parte do PSDB, mas estou feliz pela reeleição, mas triste, pois muitos não reconheceram o trabalho do governador aqui no município, deixando se levar por picuinhas e rancor político com o prefeito Robinho. Sei que a gestão não anda bem, mas em outros municípios vizinhos está desta mesma maneira. A política não era municipal e sim estadual”, falou.

“Nobre companheiro Ronaldo Néris, você disse que não faz esse tipo de coisa que é denegrir as pessoas, eu não sei se você tem ou não pretensão futura, mas as palavras ditas são pesadas. Essa coisa de só compartilhar até concordo, mas pelo companheirismo da casa não deveria ter compartilhado. Eu não vou chamar meus companheiros de corja. Outra coisa que eu ouvi você dizer aqui nessa tribuna é que não compactua com coisas erradas, mas tinha uma foto na rede social escrita, (Juiz, a foto do Juiz Odilon e Ladrão, a foto de Reinaldo Azambuja), foi o que o companheiro Ronaldo Néris mais compartilhou com os outros. Esse julgamento é pesado, o Brasil e Mato Grosso do Sul viu, Reinaldo foi inocentado por 11 votos a zero, agora o seu candidato Juiz Odilon não deu conta de responder até hoje o que fez com 11 milhões que sumiram dos cofres”, comentou.

Falou que o Reinaldo ganhou e governará MS por mais 4 anos, provou para Mato Grosso do Sul que ainda tem muito para se fazer. “Confio em Reinaldo Azambuja e no seu trabalho. Agora um homem que é Juiz e que não dá conta de nem dar entrevista, gaguejando pra responder qualquer pergunta, não estando preparado. Cabe a ele agora aprender e estudar nestes 4 anos e tentar até ser o governador no próximo mandato. Ronaldo te peço para largar mão de estender essa tribuna para o seu jornal lá na rádio, amanhã, quarta, quinta, sexta. O que é dito aqui fica aqui, larga mão de chegar lá na rádio e falar de companheiro”, disse.

Finalizou dizendo que gostaria que o vereador Pastor Ronaldo respondesse se participou ou não dessa reunião do seu candidato em Campo Grande, dia em que pediu licença médica, sendo uma coincidência, exames e reunião do candidato a governador do Estado. (Deu o tempo, mas o vereador não respondeu).

Texto/Fonte: